Kombucha: Como Cultivar?

Para quem leu o meu post anterior sobre os benefícios da kombucha e suas mil e uma utilidades, deve ter surgido a dúvida de como cultivar, né? Então leia as dicas abaixo. Para cultivar o Kombucha, você precisa primeiro receber o skoob (é o nome da panqueca com a colonia de leveduras e bactérias, que vivem em simbiose), sempre com um pouco do líquido onde ele foi cultivado. Não jogue esse líquido fora. Higienize e esterilize muito bem o local e todos os acessórios que você irá colocar em contato na manipulação do seu kombucha. Lembrando que a kombucha não interage bem com alúminio. Para cuidar da sua kombucha, é necessário alimentar ela com a infusão, adoçada com açúcar, de Chá Verde ou Chá Preto (ou outro que seja obtido da planta Camélia sinensis). Para cada 1 litro de água filtrada, você irá precisar de: 3 a 4 sachês de chá (preto, verde, hibisco, matte...) 70 a 100g de açúcar refinado 10% do líquido da cultura anterior (o líquido que você recebeu com o seu skoob). Ainda precisará de: 1 pote de vidro de boca larga 1 pano limpo para cobrir o pote ou papel toalha 1 elástico para fechar o pote Ferva a água e prepare o chá, apague o fogo e aguarde uns 20 minutos, retire os sachês, adoce e aguarde o chá esfriar bem. Coloque no pote de vidro, o chá, o scoby e o líquido do kombuchá fermentado anterior. Misture bem. Tampe-o com a pano e prenda com um elástico na borda. É muito importante proteger seu kombuchá com pano contra a invasão de insetos, poeira, contaminações e permitir a oxigenação para formação do seu biofilme, a primeira fermentação é aeróbica. O kombuchá precisa de oxigênio para formar outra colônia (o "filho"). Coloque seu pote em um lugar protegido, não requer muita luz, deixe longe do calor excessivo. Aguarde entre 6 a 12 dias, dependendo da temperatura local ele pode ficar pronto mais rápido, prove o sabor e se estiver do seu agrado, já pode coar esse chá do kombuchá.

Posts Em Destaque
Posts Recentes